A chave de Roseta

A chave de Roseta

Com o pano de fundo da invasão de Napoleão à Palestina e o cerco de Acre em 1799, William Dietrich cria mais uma aventura para seu personagem Ethan Gage, desta vez em busca de um livro antiquíssimo que conteria todos os segredos do universo. Entre o cristianismo, o islamismo, o judaísmo, a maçonaria e até a cabala, a trama se desenvolve instigando a imaginação do leitor em uma época de descobertas e acontecimentos históricos decisivos para a Europa do século XIX. Divertido e criativo.

Ficha do livro
A chave de Roseta
William Dietrich
Editora Mercuryo
Ano: 2008
384 páginas

Biblioteca com vista para o parque

biblioteca villa-lobos

Inaugurada em dezembro do ano passado dentro do parque, a Biblioteca Parque Villa-Lobos é encantadora, como toda biblioteca, e muito interativa. Com mais de 15.000 títulos, atente a todos os públicos e gostos. Desde o livro de papel, aquele mesmo, que a gente conhece bem, até o Kindle (livro eletrônico), que os sócios podem utilizar durante sua permanência no espaço. DVDs, história em quadrinhos, revistas e jornais completam o acervo. O frequentador ainda conta com jogos de tabuleiro, games para computador, RPG e brinquedos. São 2 horas de uso do computador por dia para navegar na internet, ouvir música ou assistir filmes do acervo, além de wi-fi de graça para os visitantes.

biblioteca villa-lobos

Para quem está no parque, para as crianças e, claro, para os apaixonados por livros, vale muito a visita e também tornar-se sócio, o que é muito simples: basta apresentar um documento com foto. Já na primeira visita o sócio pode levar 3 livros para casa e devolver em 15 dias, podendo renovar por mais 15 pela internet, sem precisar voltar lá. A partir do segundo empréstimo, são permitidos 5 livros.

Estes são os 3 da sessão infantil que vieram para casa este final de semana. Vamos ler e fazer novas visitas à Biblioteca, que fica bem em frente ao espaço infantil do parque. Um passeio muito gostoso no final de semana, ao ar livre e no meio dos livros.

biblioteca villa-lobos

biblioteca villa-lobos

A Biblioteca Parque Villa-Lobos fica aberta de terça a domingo das 10 às 19h.
As fotos são de divulgação da biblioteca.

1961 – O Brasil entre a ditadura e a guerra civil

Livro 1961

Em tempos de polarização, discussões acaloradas e véspera do Dia do Trabalho, um pouco de história faz bem.

25 de agosto de 1961, o então presidente Jânio Quadros apresenta sua carta de renúncia. A partir daí, o livro descreve como foram os dias que se seguiram até que o vice presidente João Goulart (que estava em visita oficial à China) conseguisse voltar para o Brasil e chegar em Brasília.

É leitura obrigatória para entender a história recente do Brasil e todas as implicações que derivaram deste episódio (a ditadura é apenas uma delas).

Ficha do livro
1961 0 O Brasil entre a ditadura e a guerra civil
Paulo Markun e Duda Hamilton
Editora Benvirá
Ano: 2011
367 páginas

Um certo verão na Sicília

Um certo Verão na Sicilia

Uma leitura que não para, com um final surpreendente, no centro da ilha italiana da Sicília, mistura aromas, sabores, tradições e máfia. O centro da ilha é um lugar remoto e intransitável, o silêncio colossal da região se reflete em seus habitantes e no mistério de suas histórias. A jornalista americana Marlena de Blasi vive uma incrível aventura e conta outra mais incrível ainda (e, acredite, é possível…). A história de Tosca, no início do século XX, é cheia de vida, paixão e atitude, em um cenário que mais remete à morosidade dos locais inacessíveis e esquecidos no tempo. Ledo engano.

Ficha do livro
Um certo Verão na Sicília
Marlena de Blasi
Editora Objetiva
Ano: 2009
272 páginas

A vida do Livreiro A. J. Fikry

a vida do livreiro A. J. Fikry

Em uma pequena ilha, uma pequena livraria, um apaixonado por livros. Ranzinza, crítico mas muito cativante, o livreiro recebe um presente inesperado e sua vida (que já estava de cabeça para baixo) dá mais uma chacoalhada.

O amor pelos livros, pela loja e por todas as histórias que podem ser contadas, faz desta uma leitura gostosa e muito rica. Uma representante de vendas, um policial, uma professora de dança, uma professora de teatro… personagens amarrados em uma narrativa que prende e encanta o leitor.

Ficha do livro
A vida do livreiro A. J. Fikry
Garielle Zevin
Editora Paralela
Ano: 2014
192 páginas

Livro de colorir para adultos

Virou uma febre, desde que o livro Jardim Secreto, de Johanna Basford, foi lançado no Brasil, em novembro passado, já vendeu 100 mil exemplares. Colorir páginas desenhadas é uma atividade que fazemos desde muito pequenos, quando ainda nem entendemos o limite dos desenhos (há quem defenda que as crianças não deveriam ter estes limites ao pintar), e quando nos divertimos com as cores sem nos preocuparmos com céu ser azul ou verde.

jardim SecretoFonte dailymail.co.uk

Jardim Secreto

Como colorir é uma atividade que demanda atenção, funciona como uma válvula de escape antiestresse; durante o tempo que se está ali, sentado, pintando, você desliga do mundo real e entra na história do seu desenho. Imagina qual cor vai ficar melhor onde, que tom devem ter as flores, ou as janelas. Se o mar é azul ou esverdeado.

O ilustrador canadense Steve McDonald também acaba de lançar seu livro para colorir. Fantastic Cities traz cenas de 60 cidades no mundo e está à venda na Amazon e Cronicle Books.

Em tempos de realidade virtual e vida digital, pegar papel e lápis para pintar é, além de nostálgico, um ato de relaxamento para sua cabeça. Um feriado no meio do dia.

Fantastic Cities